Faça Valer. Faça FAAP.

Oficina - Ilustração e a Liberdade de Desenhar

Inscreva-se

CARGA HORÁRIA: 9 horas

PERÍODO: 29, 30 e 31 de agosto /2017

DIAS DA SEMANA: terça, quarta e quinta

HORÁRIO: 19h – 22h

INVESTIMENTO TOTAL:
Público externo: 3 parcelas de R$ 156,00
Aluno, Ex-Aluno, Funcionário e Professor: 3 parcelas de R$ 140,40

FORMA DE PAGAMENTO:
Cartão de Crédito - Visa ou Mastercard (com cartão de crédito a matrícula pode ser realizada pela internet)
Cheque pré-datado – matrículas somente presencial
Boleto à vista – enviar e-mail para cursos.sp@faap.br

CAMPUS: São Paulo – Sede

OBJETIVO:
Existe uma diferença crucial entre o trabalho dentro de uma redação e/ou a colaboração para um veículo da imprensa e o trabalho pessoal, mas, um não existe ou não se sustenta sem o outro. Essa oficina faz o cruzamento entre os dois ofícios.
De forma prática, proporciona a vivência da notícia e a ludicidade do desenho e da imaginação independente da técnica que se use trabalhando especialmente em grandes formatos e usando possíveis erros a favor do trabalho a partir da mistura de suportes e materiais variados.

METODOLOGIA:
- apresentação do trabalho do professor e conversa sobre o ofício numa redação, compreensão de texto e da pauta jornalística.
- exercícios práticos para a execução de um trabalho que vai ser impresso
- virar a chave e trabalhar o gestual em vários suportes e usando vários materiais

A QUEM SE DESTINA:
- pessoas interessadas no universo editorial e na investigação gráfica.
- pessoas a partir de 16 anos.

LISTA DE MATERIAL – Só deverão ser adquiridos após a confirmação do curso
canetas bic pretas
lápis 6b
lápis dermatográfico
blocos de papel jornal formato A2
blocos de papel Layout 90 grs A2
blocos de papel Layout 200 grs A2
Folhas de papel Kraft 200 grs A1
Nanquim
Acrílica Corfix ou Acrilex nas cores básicas

Trabalhar o rigor de um fechamento numa publicação (que tem espaços, datas e horários rígidos) e provocar a vontade de libertar o traço com exercícios cujo objetivo é usar o erro a seu favor.

Prof. Orlando Pedroso
Artista gráfico e ilustrador, colaborou com o jornal Folha de S. Paulo de 1985 a 2011 além de ter publicado em inúmeros títulos da grande imprensa. Já ilustrou mais de 60 livros infanto-juvenis e é co-autor do livro “Não quero dormir” – finalista do prêmio Jabuti de 2007 nas categorias “ilustração” e “melhor livro”. Foi vencedor do Prêmio HQ Mix de melhor ilustrador nos anos de 2001, 2005 e 2006, e Artista Homenageado no FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte de 2007. Produziu mostras individuais, como “Como o Diabo Gosta”(1997) , “Olha o Passarinho!”(2001),“Uns Desenhos” e “Ôtros Desenhos” (2007). Em 2008, fez uma exposição retrospectiva de 30 anos de trabalho como artista convidado do 35º Salão de Humor de Piracicaba.

É autor dos livros independentes “Moças Finas (2006) e “Árvres” e dos infantis “Vida Simples” e “Uêba!”.
Em 2014 lançou “Filosofias baratas me são as mais caras” também finalista do prêmio Jabuti.
É membro do conselho director da SIB – Sociedade dos Ilustradores do Brasil.
Artista gráfico e ilustrador, colaborou com o jornal Folha de S. Paulo de 1985 a 2011 além de ter publicado em inúmeros títulos da grande imprensa. Já ilustrou mais de 60 livros infanto-juvenis e é co-autor do livro “Não quero dormir” – finalista do prêmio Jabuti de 2007 nas categorias “ilustração” e “melhor livro”. Foi vencedor do Prêmio HQ Mix de melhor ilustrador nos anos de 2001, 2005 e 2006, e Artista Homenageado no FIQ – Festival Internacional de Quadrinhos de Belo Horizonte de 2007. Produziu mostras individuais, como “Como o Diabo Gosta”(1997) , “Olha o Passarinho!”(2001),“Uns Desenhos” e “Ôtros Desenhos” (2007). Em 2008, fez uma exposição retrospectiva de 30 anos de trabalho como artista convidado do 35º Salão de Humor de Piracicaba.
É autor dos livros independentes “Moças Finas (2006) e “Árvres” e dos infantis “Vida Simples” e “Uêba!”.
Em 2014 lançou “Filosofias baratas me são as mais caras” também finalista do prêmio Jabuti.
É membro do conselho diretor da SIB – Sociedade dos Ilustradores do Brasil

Observaçao: É facultado a FAAP o cancelamento ou o adiamento do curso no prazo de até dois dias antes da data prevista para seu início, hipótese em que será restituído ao candidato o valor pago, no prazo de dez dias úteis a contar da data em que o candidato informar, por escrito, os dados de conta corrente bancária para a restituiçao. Nos cursos ministrados em mais de um módulo, é facultado também a alteraçao dos dias e horários de aulas do(s) módulo(s) subsequente(s), caso seja necessária a reorganizaçao de turmas.

Topo